quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Seja um crente VITORIOSO!

LEITURA BÍBLICA
1ª Coríntios 15.24-28 – Então virá o fim, quando ele entregar o Reino a Deus, o Pai, depois de ter destruído todo o domínio, autoridade e poder. 25 Pois é necessário que ele reine até que todos os seus inimigos sejam postos de baixo dos seus pés. 26 O último inimigo a ser destruído é a morte. 27 Porque ele “tudo sujeitou debaixo dos seus pés”. Ora, quando se diz que “tudo” lhe foi sujeito, fica claro que isso não inclui o próprio Deus, que tudo submeteu a Cristo. 28 Quando, porém, tudo lhe estiver sujeito, então o próprio Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeita, a fim de que Deus seja tudo em todos.


JESUS submeteu-se a Deus. Entregou a sua vontade ao Pai e sujeitou-se inteiramente a Ele. Cristo foi obediente a Deus. Veio a esta terra, humilhou-se e viveu totalmente submisso a Deus, sendo obediente até a morte. Por causa de sua atitude de submissão e obediência, Deus lhe concedeu vitória definitiva sobre Satanás. O Pai ressuscitou-o dos mortos e fez com que subisse ao céu deixando para trás o inimigo derrotado. Cristo levou cativo o cativeiro! Destruiu o poder da doença! Destruiu o poder da morte! Ao mesmo tempo, satanás tentou de todas as formas operar o poder contrário, tentando levá-lo cativo em todas estas situações. Este padrão ocorre ainda hoje quando falamos a respeito de nós mesmos. Constantemente o diabo está tentando nos tirar de uma região de paz, onde encontramos os campos verdejantes do Senhor, e nos levar para um campo de guerra, o qual chamamos de “batalha espiritual”.  Neste estudo vamos abordar o tema BATALHA x VITÓRIA e compreender importantes ensinamentos do Senhor Jesus para atingir a condição de vitoriosos em relação às nossas lutas


Para você pensar: Qual é o nome do seu campo de batalha atualmente?
(Sentimental – Financeiro – Emocional – Físico) – Todos enfrentamos batalhas em uma determinada área, outros de nós enfrentamos inclusive em diversas áreas. O inimigo está sempre envolvido em artimanhas bem desenvolvidas para impedir os cristãos de atingirem os “campos verdejantes”. Sempre que vencemos uma batalha ele já tem outro exército preparado para guerrear contra nós e estes são guerreiros altamente especializados em cada uma das áreas que citamos: Sentimental, financeira, emocional e física. Dentro deste contexto o inimigo também desenvolve uma grande capacidade e detectar fraquezas a partir do nosso plano físico, para atingir o nosso plano espiritual, uma vez que ele opera nas nossas fraquezas e não nas nossas fortalezas. Esteja certo disto: Se você é um cristão controlado financeiramente, ele jamais tocará nesta área, porque o seu controle declara no âmbito espiritual um poder sobrenatural, ou seja, um poder que vai além da dimensão física na qual estamos inseridos. A mesma situação ocorre em todas as outras áreas, e talvez neste ponto você já possa estar verificando algumas áreas da sua vida onde há uma porta gigantesca de acesso para satanás e seus correligionários espirituais.

Mas por que não conseguimos vencer estas batalhas? – Muitos motivos! Embora todas estas coisas estejam sob os pés de Jesus e sujeitas a Ele e embora ele tenha derrotado Satanás e destruído o poder do pecado, da doença e da morte, estes ainda não foram abolidos. Sabemos que, apesar de ter sido derrotado, Satanás ainda age na terra. Ainda ficamos doentes, pecamos e morremos. Há porém, de se ressaltar que somos capazes de suplantar as dificuldades impostas por ele. Se exercermos um padrão de fé uniforme e constante, fechamos as portas de entrada para o inimigo. Pense nisto! Se não tem porta, o diabo não entra, sendo assim, feche todas as suas portas. Verifique os pontos de perigo que possam estar gerando vias de acesso para o inimigo na sua vida e torne-se um vencedor! Na plenitude do tempo – quando todas as coisas se cumprirem de acordo  com o plano de Deus -, Jesus irá exterminar o pecado para sempre. Satanás e o Anticristo serão lançados no lago de fogo e então Cristo entregará o Reino ao Pai. Ele devolverá a Deus o poder e a autoridade supremos que recebeu e se submeterá ao Senhor para que este seja tudo em todos (1ª. Cor. 15.28). Até lá! Oração, busca constante, força e fé! Estes são os elementos do combustível capaz de mover a nossa maquina espiritual. Você de certo já sabe estas coisas, mesmo não conseguindo traduzir em palavras, porém as palavras não são mais importantes do que a própria ação ligada a essas palavras. Exerça um padrão de fé, sem falhas. Multiplique o seu padrão de fé por diversas áreas da sua vida e os milagres e maravilhas do Senhor vão acontecer!

Leia novamente o texto bíblico e responda: Qual a principal arma utilizada por Jesus para ser vencedor? – Jesus foi SUBMISSO! - Através do texto notamos algo interessante. Deus governa sobre todas as coisas mais se submeteu a elas. Da mesma forma nós como criação de Deus, devemos estar submissos a Ele. Assim como foi necessário que Jesus se submetesse e vivesse em plena obediência antes de vencer Satanás, nós precisamos também estar submissos em todas as coisas ao Senhor. Sem esta submissão total a Deus não somos capazes de pensar, conversar, caminhar nem de viver em obediência à sua vontade. Se não nos submetemos a Deus e aos que estão ao nosso redor, não seremos capazes de oferecer a outra face, nem de proferir palavras que edificam. Lembre-se: Ligamos na terra, ligamos no céu! – Ser obediente a Deus, significa copiar o padrão de obediência do Senhor o qual se submeteu a todas as coisas. Devemos ser obedientes às autoridades governamentais: 1ª Pedro 2.13 – Sujeitaivos a toda autoridade humana, por amor do Senhor..., sejamos obedientes às autoridades eclesiásticas da nossa fé: Hebreus 13.17 – “Obedeçam aos seus líderes e submetam-se à autoridade deles. Eles cuidam de vocês como quem devem prestar contas....”, sejamos obedientes no lar: Efésios 6 – “... filhos, sejam obedientes aos vossos pais”... “pais, não provoqueis a ira dos vossos filhos...”, e assim sejamos obedientes em todas as coisas. A obediência é um princípio de duas vias: “Quando ligamos a obediência na terra, recebemos autoridade dos céus. Deus deseja manifestar-se em você, em medida muito maior que antes. Ele deseja que você seja capaz de enfrentar as circunstâncias com confiança, na certeza de que Ele já lhe concedeu a vitória! Deus vai levá-lo, desta forma, a um nível mais alto na vida espiritual, para você compreender e estar pronto para servi-lo em todas as coisas.   Pr. Altamir de Souza